• Homepage
  • >
  • Creci
  • >
  • Mercado de imóveis adjudicados apresenta boas perspectivas para 2023

Mercado de imóveis adjudicados apresenta boas perspectivas para 2023

No dia primeiro de dezembro ocorreu uma reunião exclusiva entre o Creci-RJ e corretores credenciados na Sede da Caixa Econômica Federal (CEF) no Centro do Rio de Janeiro. O objetivo foi reunir informações e projetar perspectivas do mercado de imóveis adjudicados para 2023, levando em consideração o diagnóstico de estoque em oferta filtrados pelas principais regiões do Estado do Rio. Na ocasião, os corretores compartilharam seus principais desafios enfrentados durante o ano e soluções para os pontos críticos encontrados.

O presidente do Creci-RJ, Marcelo Moura, apontou que esse nicho de mercado é muito promissor para os corretores. “A partir de janeiro, o Creci-RJ vai intensificar cursos e palestras com o objetivo de qualificar os corretores para atenderem essa demanda”, prometeu. Moura acrescenta que essa parceria entre o Creci-RJ e a CEF é fundamental para fomentar o mercado dos imóveis retomados.

Martina Pozzobon, da Centralizadora Nacional de Venda de Bens da Caixa (CEVEN), concorda que 2023 será um ano promissor para a venda dos imóveis retomados, já que haverá grande oferta de imóveis para serem vendidos no estado. Ela ressalta que o estado do Rio concentra uma fatia de 20% de todo o mercado e tem um potencial enorme de crescimento para 2023. “Apesar dos desafios, o cenário é positivo”, completa.

  • Homepage
  • >
  • Creci
  • >
  • Mercado de imóveis adjudicados apresenta boas perspectivas para 2023

No dia primeiro de dezembro ocorreu uma reunião exclusiva entre o Creci-RJ e corretores credenciados na Sede da Caixa Econômica Federal (CEF) no Centro do Rio de Janeiro. O objetivo foi reunir informações e projetar perspectivas do mercado de imóveis adjudicados para 2023, levando em consideração o diagnóstico de estoque em oferta filtrados pelas principais regiões do Estado do Rio. Na ocasião, os corretores compartilharam seus principais desafios enfrentados durante o ano e soluções para os pontos críticos encontrados.

O presidente do Creci-RJ, Marcelo Moura, apontou que esse nicho de mercado é muito promissor para os corretores. “A partir de janeiro, o Creci-RJ vai intensificar cursos e palestras com o objetivo de qualificar os corretores para atenderem essa demanda”, prometeu. Moura acrescenta que essa parceria entre o Creci-RJ e a CEF é fundamental para fomentar o mercado dos imóveis retomados.

Martina Pozzobon, da Centralizadora Nacional de Venda de Bens da Caixa (CEVEN), concorda que 2023 será um ano promissor para a venda dos imóveis retomados, já que haverá grande oferta de imóveis para serem vendidos no estado. Ela ressalta que o estado do Rio concentra uma fatia de 20% de todo o mercado e tem um potencial enorme de crescimento para 2023. “Apesar dos desafios, o cenário é positivo”, completa.