<




A melhor Fiscalização do Brasil

O corretor de imóveis certamente já se acostumou com as matérias de capa da Revista Stand abordando assuntos do mercado imobiliário e conteúdos mais técnicos. E é bem possível que tenha achado diferente desta vez tratarmos de um assunto mais interno, do próprio Conselho. Mas explicamos: é por um motivo bastante nobre a mudança (só) nesta edição. Não poderíamos deixar de destacar a grande conquista do Setor de Fiscalização do Creci-RJ, que não é só do Conselho, mas de toda a categoria dos corretores de imóveis.

Durante a sessão plenária do Conselho Federal de Corretores de Imóveis realizada em Brasília, no dia 4 de abril, a fiscalização do Creci-RJ recebeu o troféu de campeã nacional por produtividade no ano de 2017. A equipe também ficou na primeira colocação no combate ao exercício ilegal da profissão. Durante todo o ano passado foram 4.185 autuações contra os ilegais. O Creci-RJ também foi destaque individualmente. A fiscal Angela Subtil ficou na primeira colocação no Sudeste e na segunda colocação por produtividade entre todos os fiscais do país.

– Sempre estivemos entre os três primeiros por produtividade, mas em 2017 mudamos a estratégia focando as ações no exercício ilegal. Desta forma, ampliamos os canais de denúncia, através do Whatsapp e na página principal do portal do Conselho, facilitando o recebimento das informações e dando mais rapidez ao processo – destaca o chefe do setor de fiscalização do Creci-RJ, Marcus Limão.

Essa ampliação dos canais de denúncias de fato resultou em uma maior aceitação do corretor de imóveis e da sociedade em geral em denunciar aqueles que atuam na ilegalidade. No ano de 2017 mais de 713 denúncias foram recebidas, gerando autuações entre 50 % e 60% dos casos.

– Antigamente, as denúncias eram basicamente de corretores de imóveis. Hoje em dia a sociedade conhece mais o Creci-RJ e sua credibilidade, bem como temos o apoio de órgãos públicos e delegacias especializadas. Essa união de esforços gera grandes resultados – destaca Limão que finaliza:

– Ser fiscal é um trabalho árduo e essa premiação, tanto em equipe quanto individual, é fruto de uma atuação intensiva, integrada em todo o Estado, incluindo áreas com maior e menor números de profissionais, mas sempre alcançando resultados expressivos e cumprindo o dever de fiscalizar.

O presidente do Creci-RJ, Manoel da Silveira Maia, aponta que a direção que o Conselho tem traçado é de excelentes resultados para toda a categoria:

– Só com uma Fiscalização forte poderemos dar segurança ao corretor de imóveis na sua atuação no dia a dia. E essa premiação demonstra que estamos fazendo o correto e priorizando o combate ao exercício ilegal. Em 2017 ficamos em 1º lugar no Ranking Nacional e a partir de 2018 nossa meta é continuar nessa posição trabalhando firme e constante a favor de todos os profissionais.

A fiscal Angela Subtil destaca a valorização que o Conselho proporciona sendo o mais atuante do país:

– A premiação por produtividade é um reconhecimento e mostra que o Creci-RJ está no caminho correto para inibir de vez a atuação dos ilegais, valorizar o verdadeiro corretor de imóveis e, assim, proteger a sociedade nas negociações imobiliárias.

E o Creci-RJ conta com a colaboração de todos os profissionais para que cada dia mais o setor de fiscalização possa atuar de maneira assertiva. Por isso, denuncie o exercício ilegal em qualquer hora e qualquer lugar.

Registra-se também o recebimento de denúncias contra empreendimentos irregulares. Ao constatar imobiliárias ou corretores de imóveis vendendo ou anunciando unidades sem o registro da incorporação ou do loteamento, os fiscais do Conselho lavram o auto de infração.

Ao não encontrar na localidade a presença de corretores de imóveis negociando esses imóveis irregulares, a constatação é encaminhada para as Delegacias competentes para que possam tomar as medidas cabíveis.

Veja as diferentes maneiras de realizar a denúncia contra o ilegal

Whatsapp

Desde 2017, o setor de fiscalização conta com um número de whatsapp – (21) 99103-2133-para facilitar o encaminhamento das denúncias. Portanto em “tempo real” as informações podem ser recebidas pelo setor que dará sequência às devidas diligências.

O número de Whatsapp disponibilizado é exclusivo para recebimento de denúncias.

Portal

O Conselho disponibiliza em seu portal na seção “Apresentação de Denúncias” um formulário completo para preenchimento com as informações inerentes ao exercício ilegal, com possibilidade de anexar fotos e documentos. Esses dados são encaminhados diretamente para o setor de fiscalização que analisará o caso.