• Homepage
  • >
  • Creci
  • >
  • Agora em outubro, Fiscalização do Creci-RJ já ultrapassa números de 2013

Agora em outubro, Fiscalização do Creci-RJ já ultrapassa números de 2013

Sendo um Conselho onde uma das principais atribuições é o combate ao  exercício ilegal da profissão, o Creci-RJ tem no setor de fiscalização uma das suas bases de trabalho. Assim, o departamento vem atuando de forma incisiva, autuando aqueles que praticam a função sem o devido registro. Desta forma, o ano de 2014 já pode ser comemorado tanto pela fiscalização do  Conselho, como pelos profissionais. O número dos autos de infração pelo  exercício ilegal até setembro (2.228) já é maior que todas as autuações contra os ilegais em 2013 (2.145), comprovando que o trabalho realizado,  principalmente para inibir os indivíduos que atuam de forma irregular,  continua a ser prioridade para a instituição. Uma das novas estratégias adotadas pelo setor tem sido as diligências, que  agora acontecem até nos finais de semana, como explica a chefe do setor,  Sandra Figueiredo: - Estamos intensificando as ações de fiscalização também aos finais de  semana, pois como os plantões acontecem todos os dias, isso ajuda a inibir a  atuação daqueles que exercem ilegalmente a profissão, manchando a reputação da categoria. O presidente da instituição, Manoel da Silveira Maia, avalia o atual momento  do setor de fiscalização da entidade: - A fiscalização melhorou substancialmente, demonstrando a seriedade do  Creci-RJ em relação aqueles que exercem ilegalmente a profissão. Há indícios  que esse ano de 2014 poderemos galgar pontos importantes na classificação dos estados quanto à lavratura de autos no combate ao exercício ilegal. Estamos no caminho certo.