Programa em São Gonçalo terá R$ 117 mi

O município de São Gonçalo, na região metropolitana, terá R$ 117,1 milhões de investimentos na construção de moradias para atender 4,9 mil pessoas com renda familiar de até RS 1,6 mil. A assinatura do contrato foi realizada na quinta-feira com a participação do ministro das Cidades, Gilberto Magalhães Occhi. A obra faz parte do programa Minha Casa. Minha Vida (MCMV).

"É uma união dos esforços entre o Governo Federal, o governo do estado do Rio de Janeiro e do município de São Gonçalo. Assim, nós conseguimos fazer aqui unidades habitacionais para a população que mais precisa", disse o ministro.
As unidades habitacionais fazem parte do residencial Venda da Cruz, constituído por cinco condomínios com 62 blocos de apartamentos. Cada unidade possuirá área privativa de 45,39 metros quadrados com dois quartos, circulação, sala, cozinha, banheiro. área de serviço e com piso cerâmico em todos os ambientes. A previsão é de que 38 unidades serão adaptadas para Portadores de Necessidades Especiais (PNH). Internamente, o empreendimento contará com centro comunitário, praça, parques infantis, salão de festas e quadra de esporte.
O residencial será entregue com toda infraestrutura de água, esgoto, drenagem, energia elétrica, iluminação pública e pavimentação. As futuras famílias beneficiadas terão acesso a posto de assistência médica, três postos de saúde, 13 escolas municipais, duas escolas estaduais e instituto federal de educação ciência e tecnologia, próximos ao empreendimento.
No estado do Rio de Janeiro, o MCMV já contratou 206.284 unidades habitacionais e entregou 72.737 moradias. Em São Gonçalo. foram investidos R$ 969,8 milhões para a contratação de 13.113 moradias.
Fonte: Jornal do Commercio, 24 de outubro