Metro quadrado em Madri mais barato do que Ipanema

O preço do metro quadrado em Ipanema, bairro mais caro do Brasil, segundo o Índice FipeZap, estimado em 21.963 reais (7.075 euros), supera o valor pago por um imóvel nas ruas mais caras de Madri - Velázquez, Ortega y Gasset, Serrano e Almagro -, cujo metro quadrado varia entre 6.260 e 5.934 euros. A capital, no entanto, não lidera o ranking dos dez endereços mais caros da Espanha, divulgado hoje pelo idealista.com, um dos sites imobiliários mais visitados do país, que tem como principais acionistas os bancos basco BBK e catalão Caixa de Catalunya. Os apartamentos mais valorizados são os que têm vistas para a Playa de la Concha, no Paseo de Miraconcha, em São Sebastião, no País Basco: 9.453 euros.  Em segundo e terceiro lugar estão Paseo García Faría (também de frente para o mar) e o Paseo de Gracia, ambos em Barcelona, por 7.303 e 6.954 euros consecutivamente. Madri ocupa, justamente, os lugares 4º, 5º, 6º e 7º, fechando o ranking com o Paseo de Pintor Rosales em 10ª posição, por  5.450 euros. O metro quadrado em Bilbao, no Paseo de Uribitarte, paralelo ao rio Nervión (coroado com o Museu Guggenheim), ronda 5.723 euros e é o 8º endereço mais caro da Espanha. Barcelona volta ao ranking em 9ª colocação com os imóveis do Carrer de Sentmenat avaliados por 5.598 euros, o metro quadrado. Fonte: O Globo Online - 23/04/2014