Depressão pós parto

Estima-se que a depressão pós-parto afete entre 10 e 20 por cento das mulheres que tiveram bebê. A mulher apresenta quadros de falta de energia, ansiedade, mudanças no padrão de sono e alimentação. A doença pode aparecer no primeiro mês do neném ou surgir a qualquer momento no primeiro ano da criança.

Especialistas na área não apresentam uma explicação exata para essa doença, porém acreditam que seja uma combinação de fatores hormonais, ambientais, genéticos e psicológicos.

O importante é que a mulher e os familiares reconheçam logo a depressão, para que ela receba o apoio e o tratamento necessário.